Mãe de Ronaldinho Gaúcho morre vítima de Covid-19

Dona Miguelina, 71 anos, estava internada desde Dezembro passado

Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar com QR CODE
Ronaldinho Gaúcho e sua mãe Miguelina de Assis — Foto: Pedro Souza / Atlético
Ronaldinho Gaúcho e sua mãe Miguelina de Assis — Foto: Pedro Souza / Atlético

Morreu na noite deste sábado, 20, Dona Miguelina (71 anos), a mãe do ex-jogador Ronaldinho Gaúcho. A informação foi repassada pela Rádio Itatiaia. Dona Miguelina estava internada desde dezembro de 2020 após complicações decorrentes da Covid-19. 

Em dezembro, Ronaldinho usou o seu Twitter para informar o estado de saúde de Dona Miguelina e agradecer as orações. "Queridos amigos, minha mãe está com covid-19 e estamos na luta para que ela se recupere logo. Ela está no centro de tratamento intensivo, recebendo todos os cuidados. Agradeço desde já as orações, as energias positivas e o carinho de sempre. Força mãe".

Dona Miguelina estava internada no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Mãe de Deus, em Porto Alegre.